Selecione o Profissional
 

Renato Gaúcho

TEMAS:


Renato Gaúcho é Treinador e Ex-Jogador de Futebol. Foi considerado um dos maiores pontas direita dos anos 80 e 90. Em 2016, foi Campeão da Copa do Brasil como Treinador do Grêmio.

 

Começou sua carreira no Esportivo, onde vivia atrás de um senhor para conseguir um lugar no time da cidade de Bento Gonçalves, onde morou durante toda sua infância e juventude. Mais tarde, foi contratado pelo Grêmio, clube que o projetou para o Brasil e para o mundo, após as conquistas da Taça Libertadores da América e da Copa Europeia/Sul-Americana (Copa Intercontinental), ambos em 1983.

 

Na decisão do Mundial, em Tóquio,  fez os 2 gols da vitória gremista por 2-1 sobre o Hamburgo, da Alemanha. O atacante foi escolhido o melhor jogador da final, recebendo como prêmio um carro Toyota. Depois do Mundial, levou o Grêmio ao bicampeonato gaúcho em 1985 e 1986.

 

Em 1987, acertou sua ida para o Flamengo, onde veio a formar uma grande dupla de ataque com Bebeto. Ganhou a simpatia da torcida rubro-negra após marcar contra o Atlético Mineiro, no Mineirão, o gol que garantiu a classificação para a final da Copa União, Módulo Verde, contra o Internacional. Foi eleito o melhor jogador do Brasileirão de 1987, recebendo a Bola de Ouro da revista Placar.

 

Trocou o RJ pela Itália em 1988, onde foi jogar pelo Roma. Retornou ao Rubro-negro já no ano seguinte. Atuando ao lado de Bobô e Gaúcho, sagrou-se campeão da Copa do Brasil de 1990.

 

Depois de sua saída do Botafogo,  foi para o Cruzeiro, onde ajudou o time mineiro nas conquistas do Campeonato Mineiro e da Supercopa Libertadores, ambos em 1992. Após passar por Flamengo e Atlético-MG, chegou ao Fluminense em 1995. No Campeonato Carioca desse mesmo ano, Fluminense e Flamengo chegaram à última rodada do octogonal final como os únicos com chance de conquista do título. Apesar de terminar o primeiro tempo em vantagem, o tricolor teve jogadores expulsos, o que permitiu a reação e o empate rubro-negro em 2-2, resultado que daria o título ao clube da Gávea. Entretanto, faltando quatro minutos para o final da partida, Aílton fez boa jogada e bateu para o gol. A bola escorou na barriga de Renato e tomou a direção do gol. Com o resultado de 3-2, o título ficou com o Fluminense e a jogada, conhecida como o gol de barriga.

 

A primeira experiência como treinador aconteceu em 1996, quando ainda era jogador do Fluminense. Na luta contra o rebaixamento, o tricolor carioca, por 2 vezes, chegou a usar Renato como treinador interino. Mais tarde, após sua retirada dos gramados, iniciou a carreira de treinador no Madureira. Ficou no clube por 2 anos, ganhando experiência na nova função.

 

Em 2005, o Vasco da Gama, clube em que nunca chegou a vestir a camisa como jogador, contratou-o como técnico. No Vasco, conseguiu, definitivamente, solidificar sua carreira como treinador. Conseguiu levar sua equipe ao vice-campeonato da Copa do Brasil de 2006 e ao 6º lugar do Brasileirão do mesmo ano, sendo eleito o 2º melhor técnico do Brasil, pela votação da CBF. Depois de não conseguir levar o Vasco às finais do Estadual de 2007, foi demitido e acabou regressando ao Fluminense.

 

Na nova passagem pelo tricolor carioca, chegou novamente às finais da Copa do Brasil. Após o empate no primeiro jogo por 1-1, realizado no Maracanã, o Fluminense foi até Santa Catarina e derrotou o Figueirense por 1-0. Com isso, a Copa do Brasil de 2007 tornou-se o 1º título na sua carreira como treinador. Com a conquista da Copa do Brasil, o Fluminense garantiu uma vaga para a Copa Libertadores da América de 2008, a primeira oportunidade de disputar esta competição como treinador.

 

Na competição, o Fluminense conseguiu uma classificação contra o SPFC de Muricy Ramalho, vencendo por 3-1 a equipe paulista e levando o Fluminense a uma inédita semifinal da Libertadores, com um gol do atacante Washington nos acréscimos do segundo tempo, de cabeça, em jogada treinada à exaustão pela equipe. Já nas semifinais, o Fluminense eliminou o poderoso Boca Juniors (empate por 2-2, em La Bombonera, e vitória por 3-1 no Maracanã), classificando o Tricolor para a inédita final, e escrevendo seu nome na história do clube.

 

Em 2013, após 2 anos parado, acertou seu retorno ao Grêmio. Mesmo levando a equipe ao vice-campeonato brasileiro de 2013, não teve o seu contrato renovado. Em 2016, acertou seu retorno ao Grêmio, sendo sua 3ª passagem pelo clube gaúcho. Em dezembro de 2016, foi pentacampeão da Copa do Brasil com o Grêmio após vencer o Atlético Mineiro por 3-1 no primeiro jogo e no segundo empatar em 1-1.

 

Temas das Palestras


* Competitividade;

* Esporte;

* Gestão de Pessoas;

* Liderança;

* Motivação;

* Planejamento e Estratégia;

* Presença Vip;

* Resultados;

* Superação de desafios;

* Trabalho em Equipe / Disciplina;

* Treinamento.

 

07/2019


Outros Palestrantes do mesmo tema


Serviços
  • Clique aqui se você é um Palestrante e deseja participar do casting da Mix Palestras.
  • Clique aqui para obter uma proposta ou contratar um palestrante
Contato
  • (11) 3522-6622
  • (13) 3022-1177
  • (11) 98079-3030
  • e-mail:
    comercial@mixpalestras.com.br
  • skype:
    mix.palestras
  • twitter:
    @mixpalestras