Selecione o Profissional
 

Daiana Garbin

TEMAS:


Daiana Garbin é Jornalista e Escritora. Aos 18 anos, começou sua carreira como locutora de rádio, e aos 24, iniciou na televisão. Foi apresentadora, repórter, editora e produtora.

 

Durante 8 anos, trabalhou como repórter da Rede Globo em SP. Em abril de 2016, pediu demissão para criar um canal no YouTube, em que fala sobre saúde mental, transtornos alimentares e Mindfulness. Está em formação em Mindfulness-Based Health Promotion, pelo Mente Aberta, Centro Brasileiro de Mindfulness e Promoção da Saúde da Unifesp.

 

Em outubro de 2017, lançou seu primeiro livro, "Fazendo as pazes com o corpo". Trazendo entrevistas com nutricionistas, psicólogos e psiquiatras, o livro provoca uma necessária discussão sobre o perigo dos transtornos alimentares e o papel da autocompaixão no processo de cura. O livro é um best-seller no Brasil, duas vezes na lista dos 20 mais vendidos do país, e ficou semanas em primeiro lugar na categoria Autoestima, na Amazon Brasil.

 

Realiza trabalhos como Mestre de Cerimônias e Presença VIP.

 

Temas das Palestras

 

Mude a forma como você se trata! Como acolher a fragilidade torna você mais forte e menos vulnerável


Autodepreciação, sensação de inadequação, fracasso, culpa e vergonha. As pessoas vivem aprisionadas a estes sentimentos e, por causa desse medo e vergonha de fracassar, perdem oportunidades de crescimento pessoal e profissional. A pessoa vive, muitas vezes sem perceber, aprisionada na vergonha e no medo de não ser boa, inteligente, bem-sucedida, segura, bonita o suficiente.


A palestra apresenta um novo pensar sobre sucesso, fracasso e felicidade. O que você considera sucesso? O que é fracasso? Você é feliz? Daiana mostra como a busca obsessiva pelo sucesso e felicidade plena adoece. A busca obsessiva pela vida perfeita não ajuda a conquistar sucesso e felicidade, não contribui para uma vida satisfatória, pelo contrário: a busca pela perfeição cria uma sensação permanente de fracasso, incapacidade e inadequação. Você perde oportunidades incríveis por achar que só terá sucesso e será feliz quando criar/apresentar/produzir algo perfeito. Se você continuar aprisionado no medo de errar e fracassar você continuará infeliz e com a sensação de derrota. Precisamos refletir sobre a permanente sensação de fracasso, incapacidade e inadequação para conquistar uma vida melhor, pessoalmente e profissionalmente.

 

A palestra é um convite para reprogramar a mente julgadora e torturadora que faz você acreditar que não é capaz. É um convite para MUDAR os pensamentos e julgamentos sobre você mesmo e aprender a se tratar com respeito, bondade e compaixão. Não é autopiedade, resignação ou vitimização. Pelo contrário! Autocompaixão é autoresponsabilidade. Significa observar com atenção plena e aceitar, sem julgamentos, todo o pacote da nossa realidade: nossas vulnerabilidades, fraquezas e nossos pontos fortes. Assim aprendemos a nos perdoar por nossos erros e falhas. Você se torna mais forte e capaz e menos vulnerável exatamente no momento em que aceita e acolhe as suas vulnerabilidades. Quando aceita e acolhe quem você é, de verdade, com suas qualidades, defeitos e limitações.

 

Fazendo as Pazes com o Corpo

 

Daiana passou 22 anos odiando o próprio corpo. Sentia-se eternamente inadequada, desejava ser reta, seca. Só pele e osso. Tinha vergonha de si mesma e de seu descontrole diante da comida.

 

Encarou dietas hiper-restritivas, passou por três cirurgias plásticas, fez procedimentos estéticos agressivos e ficou viciada em remédios para emagrecer – sempre acreditando que um corpo magro lhe traria paz e felicidade.

 

Foi só depois de muito sofrimento que ela descobriu que a insatisfação profunda que sentia em relação ao corpo não era vaidade nem frescura: era doença. Diagnosticada com transtorno alimentar, Daiana decidiu compartilhar sua história para ajudar as pessoas que sofrem em silêncio por querer se enquadrar em padrões inatingíveis e acabam deixando de aproveitar a própria vida.

 

Nesta palestra, ela revela o longo caminho que percorreu para aprender a ficar em paz com seu corpo e com a comida – os altos e baixos, o que deu certo e o que deu errado, as vezes que quis desistir e o momento em que percebeu que existia uma saída.

 

01/2020


Outros Palestrantes do mesmo tema


Serviços
  • Clique aqui se você é um Palestrante e deseja participar do casting da Mix Palestras.
  • Clique aqui para obter uma proposta ou contratar um palestrante
Contato
  • twitter:
    @mixpalestras
  • Mande-nos uma Mensagem